Fórum em Defesa da Grande Aracaju anuncia apoio a Edvaldo

A candidatura de Edvaldo Nogueira (PCdoB) e Eliane Aquino (PT) recebeu nesta segunda-feira (17) mais um importante apoio no 2o turno da eleição para a prefeitura de Aracaju. O Fórum em Defesa da Grande Aracaju (FDGA), importante organização que atua desde 2009 no papel de planejamento urbano, meio ambiente e vivência na cidade, decidiu apoiar abertamente a candidatura de Edvaldo, em reunião ocorrida na Central Única dos Trabalhadores (CUT) que contou ainda com a presença do vereador eleito professor Antonio Bittencourt (PC do B).

Segundo José Firmo, membro do Fórum, a decisão foi tomada “quase que naturalmente”. “Normalmente não costumamos apoiar uma candidatura específica, mas avaliamos o 2o turno e vimos que não tinha como apoiar a outra candidatura. Aracaju correria um grande perigo nas mãos da turma que acompanha Valadares Filho, seja na questão ambiental seja dos recursos financeiros. Não é questão só de preferência política, mas é pensando na cidade e no Estado em 2018. Não dá para ter uma continuidade do governo João Alves Filho”, destacou.

30099102110_00127d6ba8_bAlém de uma carta anunciando o apoio e “pelo futuro de Aracaju”, o Fórum entregou também pautas específicas sobre Plano Diretor, Mobilidade Urbana e Saneamento Básico. A organização defende a manutenção da secretaria de Meio Ambiente, a ampliação das ciclovias e a aprovação de um Plano Diretor sério. “Aracaju precisa eleger Edvaldo e Eliane em nome do planejamento urbano, do direito à cidade e do conforto do cidadão. Toda a bancada de vereadores de João Alves que aprovou o aumento do IPTU, criou a taxa de iluminação e aumentou a tarifa de ônibus já migrou para o lado de Valadares”, disse Firmo. Os membros do Fórum ressaltaram também a importância do transporte público de qualidade.

Orgulho

Edvaldo agradeceu pelo apoio e disse sentir-se orgulhoso pela confiança depositada na sua candidatura. “Vocês poderiam ter mostrado as propostas para as duas candidaturas, mas já fizeram a sua escolha política, o que é muito importante. Temos muito compromisso com os movimentos sociais e os temas de mobilidade urbana, meio ambiente e sustentabilidade são essenciais para a humanidade em geral e para o desenvolvimento urbano”, afirmou.

Ele também relembrou dos problemas que teve ao tentar aprovar o plano diretor e a licitação do transporte público já em sua gestão. “O plano foi discutido em todas as comissões e eu mandei para a câmara ainda em 2011. Já tínhamos tido duas votações e deixamos para a atual gestão aprovar, mas ela deixou pra lá. Em 2009, era para termos feito a licitação do transporte coletivo, mas a justiça mandou suspender”, disse.

30360095236_23b1efe9b8_oTransporte Público

O candidato também se posicionou sobre uma discussão que parecia latente há quatro anos, mas foi deixada de lado pela atual gestão. “Aracaju não comporta BRT exclusivo nem VLT. Solução é um sistema misto, que integre todos os modais de transporte, e que tenha faixas prioritárias para o transporte público em horários de pico. O que João fez foi uma enganação, BRT tem que ser no centro da via e não na direita, como foi feito”, afirmou, trazendo outras ideias para a discussão.

“A prioridade é o transporte público, para resolver problemas como o do Centro da cidade. Penso que ali deveriam circular apenas micro-ônibus, com a ampliação do terminal do Mercado e a instalação de um amplo estacionamento no terreno ao lado. Os motoristas ali deixariam os carros e, pagando o estacionamento, teriam passe livre nestes micro-ônibus. Temos também que resolver o problema da localização do Terminal do DIA e, a médio e longo prazo, pensar nos transportes hidroviário e ferroviários pela cidade”, destacou.

O projeto Aracaju na Palma da Mão, em que o cidadão pode interagir com a prefeitura através de um aplicativo de celular e dar sugestões ou apontar problemas nos locais onde vivem, e a retomada da ideia de participação popular nas ações da prefeitura, com base no antigo projeto de Orçamento Participativo, também foram relembradas na reunião. Eliane aproveitou para destacar a plataforma “Reconstruir e Avançar” (reconstruireavancar.com.br), “que pensando numa cidade inteligente e criativa, as pessoas podem conhecer o programa de governo e dar sugestões para a nova gestão, que serão incorporadas no plano e na prática na prefeitura”.

Fotos: Janaína Santos

Deixe uma resposta